Comunicação

11h25

Construindo um novo futuro

Conheça Elias Nascimento, adolescente beneficiado pela campanha Tributo ao Futuro

Tags: CFR-PTN
Compartilhe
Tamanho do texto

Na comunidade rural de Serra do Abiá, localizada a cerca de 128 km de Salvador (BA), o futuro está sendo construído a cada dia. É assim na vida de Elias Nascimento, filho de agricultores familiares e estudante da Casa Familiar Rural de Presidente Tancredo Neves (CFR-PTN). Com a educação de qualidade pela qual está tendo acesso, Elias vem mudando a vida de sua família e dando os passos que precisa para alcançar seu sonho: “eu quero seguir colocando a mão no trabalho e viver na roça mesmo. E estudar: fazer um curso a mais e virar engenheiro agrônomo”, conta o adolescente de 17 anos.

Na casa onde Elias vive com seus pais, há principalmente cultivos de graviola, acerola, açaí e cacau. A família também vende na região as polpas das frutas, feitas de forma artesanal. E recentemente, um novo sabor entrou na lista: a polpa de maracujá, feita com o fruto que o próprio jovem já produz. 

Elias já se tornou um jovem protagonista: leva conhecimento para seus pais e para outros agricultores de sua comunidade


Isso é possível a partir do apoio da Casa Familiar Rural: além das aulas práticas e teóricas, a escola dá recursos e apoio técnico para que os jovens comecem seus primeiros cultivos, os chamados Projetos Educativo-Produtivos (PEPs). “Meu PEP do ano passado foi uma colheita de cacau e maracujá. Já esse ano está sendo de criação de aves e cultivo de banana”, conta ele. 

A campanha Tributo ao Futuro, coordenada pela Fundação Norberto Odebrecht, arrecada doações para apoiar a CFR-PTN e outras duas escolas rurais do Baixo Sul da Bahia: a Casa Familiar Agroflorestal (CFAF) e a Casa Familiar Rural de Igrapiúna (CFR-I). Doar para a campanha é contribuir para que centenas de adolescentes como Elias tenham acesso à educação de qualidade! Clique aqui e saiba mais! 

A experiência de gerenciar seus próprios cultivos dá mais independência aos estudantes, os ensina a planejarem suas ações e a enxergarem as propriedades de suas famílias como verdadeiras empresas. “Eu somei tudo que ia gastar com meu PEP, tudo que a CFR-PTN ia doar... e o resultado final que a roça ia me dar”, conta Elias. Ao final, o lucro obtido com o projeto fica para o próprio jovem e sua família, que podem usá-lo para acessar mais lazer, mais educação e para terem mais produtividade na propriedade.

Com a experiência que ganhou, Elias está se tornando uma referência em sua família – e na comunidade onde vive. “Eu fiz uma roça com meu irmão esse ano, e ele queria adubar a roça com um adubo só, que só seria para a raiz da planta. Como essa planta ia desenvolver? Mostrei o melhor caminho”, exemplifica ele. Mesmo agricultores e agricultoras mais velhos têm pedido apoio do jovem. “O pessoal pergunta, quer saber que tipo de adubo, de defensivo usar. E eu passo o conhecimento”, conta.  

"Eu quero viver na roça mesmo. E estudar: fazer um curso a mais e virar engenheiro agrônomo", conta Elias, adolescente benficiado pelo Tributo ao Futuro.


Apoio da família

Além de contribuir para que os adolescentes apoiados pelo Tributo ao Futuro sigam aprendendo dentro e fora das Casas Familiares, a família destes meninos e meninas é mais do que uma incentivadora. Ela é também beneficiária. Afinal, o ensino obtido nas aulas é transmitido pelos jovens para seus pais, mães e irmãos, ajudando a levar capacitação para mais pessoas. “Eu não tive estudo, mas tenho a experiência, sou vaqueiro de profissão. E hoje tem muita coisa que quem passa para mim é ele”, conta o pai de Elias, Vandernir Nascimento.

 “E por isso eu digo a meus filhos: ‘tudo que eu planto é de vocês, para vocês não precisarem sair e trabalhar para os outros’. E esse é o meu prazer, incentivar ele para seguir esse caminho, ver ele estudar. Porque a CFR-PTN é um caminho de futuro”, diz o pai, orgulhoso. A mãe de Elias, Maria Aparecida Nascimento, concorda. “Eu só tenho a agradecer à Casa Familiar por meu filho estar aqui, crescendo, tendo mais conhecimento. Ele vai seguir até o fim, sem dúvidas”, comenta. 
 

Newsletter
Receba nossas novidades
Basta informar seu nome e melhor e-mail.
preload
2018 - 2022. Fundação Norberto Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Para entender os tipos de cookies que utilizamos, clique em Opções. Ao clicar em Aceito, você consente com a utilização de cookies.

Aceito Opções

Definições

Queremos ser transparentes sobre os dados que nós e os nossos parceiros coletamos e como os utilizamos, para que você possa controlar melhor os seus dados pessoais. Para obter mais informações, consulte a nossa política de privacidade e nossa politíca de cookies.

O que são cookies?

Cookies são arquivos salvos em seu computador, tablet ou telefone quando você visita um site.

Usamos os cookies necessários para fazer o site funcionar da melhor forma possível e sempre aprimorar os nossos serviços.

Alguns cookies são classificados como necessários e permitem a funcionalidade central, como segurança, gerenciamento de rede e acessibilidade. Estes cookies podem ser coletados e armazenados assim que você inicia sua navegação ou quando usa algum recurso que os requer.

Gerenciar preferências de consentimento

Utilizamos softwares analíticos de terceiros para coletar informações estatísticas sobre os visitantes do nosso site. Esses plugins podem compartilhar o conteúdo que você fornece para terceiros. Recomendamos que você leia as políticas de privacidade deles.

Bloquear / Ativar
Google Analytics
Necessário

Os plugins são usados ​​para rastrear visitantes em websites. A intenção é exibir anúncios relevantes e atraentes para o usuário individual e, portanto, mais valiosos para editores e anunciantes terceirizados.

Bloquear / Ativar
Facebook Pixel
Recomendado

São aqueles que permitem a você navegar pelo site e usar recursos essenciais, como áreas seguras, por exemplo. Esses cookies não guardam quaisquer informações sobre você que possam ser usadas em ações de comunicação de produto ou serviço ou para lembrar as páginas navegadas no site.

Bloquear / Ativar
Site
Necessário