Comunicação

14h26

“A agricultura está na minha veia”

Edvaldo Palma é beneficiado pela OCT, instituição parceira da Fundação Norberto Odebrecht

Compartilhe
Tamanho do texto

Plantar, adubar, esperar o amadurecimento, realizar a enxertia, comercializar. Etapa a etapa, as mãos habilidosas de Edvaldo Palma, agricultor familiar de Igrapiúna (BA), aplicam as técnicas necessárias para fazer crescer as mudas de cacau em sua estufa, que serão vendidas para gerar renda para ele e para sua família. E para ter ainda mais sucesso em seu trabalho, o produtor conta com um apoio: a assistência técnica da Organização de Conservação da Terra (OCT), instituição que capacita agricultores familiares para aumentarem sua produtividade e aplicarem técnicas sustentáveis de cultivo. 

Um agricultor olha para uma muda de cacau, sorrindo
Edvaldo espera produzir mais de 50 mil mudas de cacar no ano que vem



Em 2022, o agricultor vai produzir uma média de 40 mil mudas de cacau – a colheita é muito demandada no Baixo Sul da Bahia, região onde Edvaldo vive e onde é implementado o Programa Social da Fundação Norberto Odebrecht, o PDCIS. No ano que vem, a expectativa é superar essa marca. “Já tenho 50 mil mudas encomendadas”, conta. E não poderia ser diferente, considerando a dedicação e o carinho colocados em sua produção. “Eu cheguei aqui [nessa propriedade] e era só capim. Chegar agora e ver cheio de plantinhas é bom demais”, conta. “Eu estou a todo vapor, especialmente com a parceria com a OCT”, diz ele.

Todos os meses, técnicos da OCT visitam presencialmente a propriedade de Edvaldo com dicas e informações sobre o cultivo do cacau e de suas mudas. Além disso, o contato também acontece por meio de aplicativos de mensagem. “O uso da técnica funciona”, explica o agricultor. “A gente recebe orientação sobre adubação, nos ajudam nas análises de solo... tudo relacionado a cacau e ao que acontece na região, a OCT está transmitindo para nós, nos atualizando. Porque se a gente ficar só preso aqui, o conhecimento não vem”, conta Edvaldo.

Beneficiamento

Entre plantio e amadurecimento, o processo de crescimento de uma muda de cacau leva cerca de 6 meses. É durante este período que Edvaldo enxerta cada uma das mudas individualmente – processo que une os caules de duas plantas para dar mais resistências a pragas e climas diferentes e aumentar a qualidade do fruto. Esse beneficiamento torna as mudas mais produtivas, o que também permite um aumento no preço de venda e uma maior valorização do trabalho do produtor. “Tem coisas que as pessoas dizem que ‘é bobagem’, mas quem compra a muda sente”, explica ele. “Já tive clientes que compraram uma muda na mão de alguém, plantaram e não nasceu. No ano seguinte, compraram comigo e a planta saiu”.

Vocação

Quem vê o sucesso da comercialização de Edvaldo mal pensa que ele já cogitou desistir: depois de sair da fazenda na qual trabalhou por uma década, ele passou a atuar como motorista. Mas logo não foi mais possível negar a vocação para a agricultura, e em 2020 Edvaldo decidiu tentar outra vez. Dessa vez, trabalhando para si mesmo. “Quando eu vi que a agricultura estava na veia, decidi voltar. Hoje eu me considero uma pessoa que conquistou a independência, não estou mais preso a um emprego”, conta ele. 

Uma muda é enxertada por uma pessoa
Cada uma das mudas de cacau é enxertada individualmente pelo agricultor, que recebe assistência técnica da Organização de Conservação da Terra (OCT)



A vocação é tão forte que passou de Edvaldo para seus filhos: a mais velha, Geisiane, de 18 anos, quis seguir a carreira do pai e dos avôs e se tornou estudante na Casa Familiar Rural de Igrapiúna (CFR-I). Escola rural que forma jovens no Ensino Médio integrado ao curso técnico em Agronegócio, a instituição também faz parte do PDCIS, o Programa Social coordenado pela Fundação Norberto Odebrecht. O orgulho da filha transparece na fala do agricultor: “ela saiu na frente, sempre quando os monitores vêm aqui [na propriedade da família], elogiam muito ela”, relata. É a agricultura familiar se atualizando e passando de geração em geração. 

Newsletter
Receba nossas novidades
Basta informar seu nome e melhor e-mail.
preload
2018 - 2022. Fundação Norberto Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Para entender os tipos de cookies que utilizamos, clique em Opções. Ao clicar em Aceito, você consente com a utilização de cookies.

Aceito Opções

Definições

Queremos ser transparentes sobre os dados que nós e os nossos parceiros coletamos e como os utilizamos, para que você possa controlar melhor os seus dados pessoais. Para obter mais informações, consulte a nossa política de privacidade e nossa politíca de cookies.

O que são cookies?

Cookies são arquivos salvos em seu computador, tablet ou telefone quando você visita um site.

Usamos os cookies necessários para fazer o site funcionar da melhor forma possível e sempre aprimorar os nossos serviços.

Alguns cookies são classificados como necessários e permitem a funcionalidade central, como segurança, gerenciamento de rede e acessibilidade. Estes cookies podem ser coletados e armazenados assim que você inicia sua navegação ou quando usa algum recurso que os requer.

Gerenciar preferências de consentimento

Utilizamos softwares analíticos de terceiros para coletar informações estatísticas sobre os visitantes do nosso site. Esses plugins podem compartilhar o conteúdo que você fornece para terceiros. Recomendamos que você leia as políticas de privacidade deles.

Bloquear / Ativar
Google Analytics
Necessário

Os plugins são usados ​​para rastrear visitantes em websites. A intenção é exibir anúncios relevantes e atraentes para o usuário individual e, portanto, mais valiosos para editores e anunciantes terceirizados.

Bloquear / Ativar
Facebook Pixel
Recomendado

São aqueles que permitem a você navegar pelo site e usar recursos essenciais, como áreas seguras, por exemplo. Esses cookies não guardam quaisquer informações sobre você que possam ser usadas em ações de comunicação de produto ou serviço ou para lembrar as páginas navegadas no site.

Bloquear / Ativar
Site
Necessário