Comunicação

09h30

Projetos Educativo-Produtivos: prática no campo

Educadores explicam a importância do exercício na formação de jovens agricultores

Compartilhe
Tamanho do texto

Nas Casas Familiares do Baixo Sul da Bahia, é por meio dos Projetos Educativo-Produtivos (PEPs) que estudantes colocam em prática o que aprendem em sala de aula. Implantados nas propriedades dos alunos, são nos PEPs que eles recebem insumos e orientações técnicas dos educadores para iniciar seus cultivos, obter renda e reinvestir o lucro em novos ciclos produtivos.

aluna de escola rural que integra o programa social da Fundação Odebrecht
Laiane Santos, aluna da Cfaf, em seu PEP de banana-da-terra

Abarcando diversas culturas, como banana, aipim, abacaxi, hortaliças etc., os PEPs integram a metodologia da Casa Familiar Agroflorestal (Cfaf), Casa Familiar Rural de Igrapiúna (CFR-I) e Casa Familiar Rural de Presidente Tancredo Neves (CFR-PTN) – escolas de ensino médio e técnico que fazem parte do Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade (PDCIS), criado e coordenado pela Fundação Odebrecht. 

Acompanhar o desenvolvimento dos PEPs é uma das tarefas de Josivânia Silveira, engenheira agrônoma e educadora da CFR-I. “Mensalmente, vamos até a propriedade dos jovens avaliar os projetos. Nós observamos o estado da área cultivada e deixamos orientações de como torná-la ainda mais produtiva. Procuramos também mostrar o quanto é importante a participação da família para o desempenho do jovem na agricultura. Acompanhamos se o aluno segue as orientações e o que ele aprendeu com isso”, explica Josivânia. 

Educação pelo Trabalho

De acordo com Thales Lima, zootecnista e educador da CFR-PTN, a lógica do PEP é colaborar para a formação dos discentes. “Se vão implantar uma área de banana, por exemplo, precisam estudar as melhores práticas. A cada etapa, os professores estão presentes para orientar. Avaliamos os tratos culturais, adubação, conservação da terra, custo de produção e todo o aspecto vegetativo da planta. Isso representa um amadurecimento para o estudante e faz parte do seu processo de aprendizado”, salienta.

Romildo Oliveira, engenheiro agrônomo e educador que coordena os PEPs na Cfaf, reforça que o projeto é importante para a vivência dos alunos. “É no campo, junto com a família, que eles põem em prática conhecimentos adquiridos em sala de aula. Aferimos o modo como os jovens estão conduzindo e manejando seus cultivos. Precisamos entender, por exemplo, qual a produtividade da área e se o calendário de adubação está sendo seguido. É essencial que os professores estejam próximos desse trabalho, preparando-os para o futuro”, pontua.

Laiane Santos, aluna da Cfaf, é um exemplo de como essa estratégia tem dado resultado. Moradora do município de Nilo Peçanha (BA), ela tem um PEP de cacau e banana-da-terra, onde exercita o que aprende na escola. “Com meu projeto, percebi como é importante ter um planejamento antes de plantar as culturas: escolher a área, fazer análise química do solo, efetuar o plantio e realizar os tratos necessários para a saúde da plantação. Essa preparação antes da implantação é essencial para um bom retorno”, diz. 
 

Newsletter
Receba nossas novidades
Basta informar seu nome e melhor e-mail.
preload
2018 - 2022. Fundação Norberto Odebrecht. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Para entender os tipos de cookies que utilizamos, clique em Opções. Ao clicar em Aceito, você consente com a utilização de cookies.

Aceito Opções

Definições

Queremos ser transparentes sobre os dados que nós e os nossos parceiros coletamos e como os utilizamos, para que você possa controlar melhor os seus dados pessoais. Para obter mais informações, consulte a nossa política de privacidade e nossa politíca de cookies.

O que são cookies?

Cookies são arquivos salvos em seu computador, tablet ou telefone quando você visita um site.

Usamos os cookies necessários para fazer o site funcionar da melhor forma possível e sempre aprimorar os nossos serviços.

Alguns cookies são classificados como necessários e permitem a funcionalidade central, como segurança, gerenciamento de rede e acessibilidade. Estes cookies podem ser coletados e armazenados assim que você inicia sua navegação ou quando usa algum recurso que os requer.

Gerenciar preferências de consentimento

Utilizamos softwares analíticos de terceiros para coletar informações estatísticas sobre os visitantes do nosso site. Esses plugins podem compartilhar o conteúdo que você fornece para terceiros. Recomendamos que você leia as políticas de privacidade deles.

Bloquear / Ativar
Google Analytics
Necessário

Os plugins são usados ​​para rastrear visitantes em websites. A intenção é exibir anúncios relevantes e atraentes para o usuário individual e, portanto, mais valiosos para editores e anunciantes terceirizados.

Bloquear / Ativar
Facebook Pixel
Recomendado

São aqueles que permitem a você navegar pelo site e usar recursos essenciais, como áreas seguras, por exemplo. Esses cookies não guardam quaisquer informações sobre você que possam ser usadas em ações de comunicação de produto ou serviço ou para lembrar as páginas navegadas no site.

Bloquear / Ativar
Site
Necessário